’25 anos de Cúpulas Ibero-americanas’, um percurso pela História

Inaugura-se a exposição “25 anos de Cúpulas” no marco da XXV Cúpula Ibero-americana.

expoefe

A Secretária Geral Ibero-americana, Rebeca Grynspan, junto com o presidente da Agência EFE, José Antonio Vera, e o diretor de Assuntos Culturais da Chancelaria colombiana, Luis Armando Soto, inauguraram, no passado 26 de outubro, no Centro de Convenções Julio César Turbay Ayala, a exposição fotográfica “25 anos de Cúpulas Ibero-americanas”, no marco da XXV Cúpula Ibero-americana.

No encontro o Presidente da Agência de Notícias EFE agradeceu à chancelaria por conceder o espaço à mostra. A exposição, disse, “permitirá que estas fotos de 25 anos de Cúpulas Ibero-Americanas possam ser visualizadas pelos protagonistas da Cúpulas número 25” e isso nos enche de orgulho porque na EFE nos sentimos profundamente ibero-americanos desde sempre.

Nesse sentido, a Secretária-Geral Ibero-Americana destacou que a EFE não só acompanhou estes 25 anos, senão que foi um ator do ibero-americano durante todo este período, no qual ocorreu um diálogo político contínuo, apesar das diferenças entre os países.

“O diálogo e a cooperação caminham juntos, e uma região que apostou pelo diálogo e a cooperação têm muito do que sentir orgulhosa”, disse a Secretária-Geral Ibero-Americana.

Durante sua intervenção, o diretor de Assuntos Culturais da Chancelaria expressou que “EFE começou a falar de Ibero-América antes das Cúpulas”, já que eles “apostaram desde o princípio em construir esta comunidade. A dotaram de sentido, a representaram no mundo. Esta Cúpula, mais que uma Cúpula é um cruzamento de visões de política exterior, e EFE soube contar com elegância e com rigor”.

A exposição, que consta de 40 imagens, faz um percurso visual e histórico pelas 24 cúpulas que precederam este encontro de Cartagena de Índias, e seus protagonistas. As fotos pertencem ao arquivo gráfico da Agência EFE, que consta de ao menos 17 milhões de imagens.

Durante os dias da Cúpula, a exposição será mantida no Centro de Convenções, mas a partir de segunda-feira, 31 de outubro, poderá ser visitada, de forma gratuita, no Claustro de La Merced de Cartagena.

Veja todos os assuntos