Prorrogadas até 30 de junho as inscrições para o 7º Prémio Ibero-Americano de Educação e Museus

Até 30 de junho, as instituições museológicas Ibero-americanas poderão apresentar os seus projetos à 7ª edição do Prémio Ibero-Americano de Educação e Museus. São ainda 12 dias mais para que instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos apresentem os seus projetos.

museos

A convocatória e o formulário encontram-se disponíveis na secção de Convocatórias do Portal Ibermuseus, na qual os interessados poderão encontrar o regulamento e mais informações sobre o Prémio.

Tal como nas edições anteriores, o prémio divide-se em duas categorias:

Categoria I – Projetos implementados ou em curso; e Categoria II – Fomento de projetos em fase de elaboração e/ou planificação.

Para a primeira categoria, serão outorgados três prémios e para a segunda, cinco, num total de US$ 75 mil em prémios. Serão também outorgadas menções honrosas aos 20 primeiros classificados.

Para concorrer, para além de estarem vinculadas à administração pública (municipal, regional ou nacional), ou serem privadas sem fins lucrativos, as instituições devem ter caráter cultural, educativo ou afim.

O processo de avaliação das propostas realiza-se em duas etapas: na primeira etapa, a avaliação é feita pelas Comissões Nacionais e a segunda pelo Comité Técnico, composto por 12 peritos em educação e museus dos países membros do Comité Intergovernamental do Ibermuseus.

Os projetos serão avaliados de acordo com os seguintes critérios: coerência; alcance, capacidade de transformação social; dinamização da memória social; valorização da memória social local; atenção à diversidade (étnica, de género, social e cultural) e acessibilidade; participação de agentes internos e externos (museus e comunidades) no projeto; e capacidade institucional para a manutenção das ações empreendidas.

Nas últimas seis edições, o Programa Ibermuseus outorgou 45 prémios a projetos educativos de museus Ibero-Americanos, num total de US$ 320 mil. Além disso, todos os projetos contemplados economicamente ou reconhecidos com menções honrosas, passam a constituir o Banco de Boas Práticas de Ação Educativa, um repositório de projetos disponíveis no portal do Ibermuseus, que consta de 125 projetos e é considerado como um instrumento de referência sobre a educação em museus na Ibero-América e noutros países do mundo.

O download da Convocatória e do formulário de inscrição podem ser obtidos em: www.ibermuseus.org/es/convocatorias.

Consulte o Guia de informações.

Veja todos os assuntos