A Secretária-Geral inaugura as II Jornadas sobre a Segurança dos Investimentos na Ibero-América

As segundas Jornadas sobre a Segurança dos Investimentos na Ibero-América realizam-se nos dias 4 e 5 de abril de 2016 no conversatório da Secretaria-Geral Ibero-Americana

SGI-SeguridadJuridica

As II Jornadas sobre a Segurança dos Investimentos na Ibero-América que se realizam hoje e amanhã em Madrid, foram inauguradas pela secretária-geral ibero-americana, Rebeca Grynspan, o ministro da Justiça de Espanha, Rafael Catalá, o secretário-geral da Conferência de ministros da Justiça dos países ibero-americanos (Comjib), Arkel Benítez, o embaixador do Equador em Espanha, Miguel Calahorrano, o embaixador do Paraguai em Espanha, Antonio Rivas e o embaixador da República Dominicana, Aníbal de Castro.

Durante o evento, a Secretária-Geral pediu para se “aproveitar a densidade do espaço jurídico ibero-americano” para elaborar “um quadro no qual não haja “regras diferentes” entre os países, mas um “ambiente propício” para os investimentos”.
IMG_0254

“No espaço jurídico ibero-americano há uma densidade que não existe em nenhuma outra região e devemos aproveitar para elaborar um quadro no qual não haja concorrência desleal entre países nem regras diferentes”, reivindicou a secretária.

Referiu também que a região deve caminhar no sentido desse ambiente propício mas sem esquecer que “no mundo moderno não há direitos sem deveres” e por conseguinte “também os investidores devem cumprir os seus deveres” nos países nos quais desenvolvem as suas atividades.

Os participantes concordaram com a necessidade de criar um clima de confiança para os investidores e com que o principal desafio do investimento é o de transformar a estrutura produtiva da região, dado que, conforme a Secretária-Geral, a “América Latina precisa de duplicar o investimento em infraestruturas para apoiar uma revolução na produtividade e de uma gestão pública mais transparente para criar esse ambiente seguro e previsível para os investimentos”.

Veja todos os assuntos