Reunião de seguimento da Cooperação Ibero-americana em El Salvador

Reúnem-se os representantes da cooperação ibero-americana em El Salvador, para dialogar e dar a conhecer a situação atual da cooperação no país e sua participação nos diferentes programas, iniciativas e projetos adscritos.

Reunión_PIPAS_ElSalvador

No passado dia 12 de julho foi celebrada, em El Salvador, a reunião anual de seguimento da Cooperação Ibero-americana no país.

Entre os assistentes contou-se com Representantes da Secretaria Geral Ibero-americana (SEGIB), da Organização de Estados Ibero-americanos (OEI), do Ministério de Relações Exteriores de El Salvador e dos Programas, Iniciativas e Projetos Adscritos da cooperação ibero-americana.

A Diretora Geral de Cooperação ao Desenvolvimento do Ministério de Relações Exteriores de El Salvador, Ryna Garay, destacou a importância dos PIPA para o desenvolvimento da região e para o fortalecimento das relações entre os países.

Ato seguido, a Diretora do Escritório Sub-regional da SEGIB para o México, o Caribe e a América Central, Leonor Calderón, apresentou um relatório sobre o estado da cooperação na Ibero-América e salientou a importância da cooperação ibero-americana para a região e seu desenvolvimento a nível global.

“No atual momento geopolítico que o mundo vive, estes espaços que têm certa autonomia, certa independência, cobram muita relevância para recuperar essa fortaleza a partir de nossa identidade e daquilo que somos”, afirmou.

Igualmente assinalou que o rol dos PIPA é importante no fortalecimento da cooperação e temas transversais como gênero, visibilidade, assim como a aplicação do novo Manual Operativo dos Programas, Iniciativas e Projetos Adscritos da Cooperação Ibero-americana aprovado na XXV Cúpula Ibero-americana de Cartagena de Índias, em 2016.

Posteriormente, os representantes e pontos focais de cada Programa e Iniciativa da qual participa El Salvador, -8 em total-, fizeram uma apresentação do estado e situação de seus respetivos PIPA.

Veja todos os assuntos