Ibermuseus recebe a Bolívia no Registro de Museus Ibero-americanos, o 15º país a unir-se à plataforma

Ibermuseus assume o desafio de conseguir chegar, com o Registro de Museus Ibero-americanos, às mais de 9.000 instituições dos 22 países da Comunidade Ibero-americana.

Bolivia-Ibermuseos

O Registro de Museus Ibero-americanos (RMI), plataforma desenvolvida pelo Programa Ibermuseus por meio de seu Observatório Ibero-americano de Museus (OIM), é uma ferramenta criada para proporcionar informação e acesso aos museus localizados na região ibero-americana através da página web pública rmiberoamericanos.org. Lançado em junho de 2017 com dados de 13 países, o RMI acaba de receber informações de 16 instituições localizadas na Bolívia, o 15º país a somar-se ao Registro.

“Um dos objetivos da Bolívia na participação no RMI é iniciar um registro atualizado dos museus nacionais”, explica David Trigo, do Museo Nacional de Arqueologia da Bolívia e responsável pelos dados bolivianos no RMI. “Ter um registro oficial e a capacidade de congregar a novos e a velhos museus, é uma atividade necessária, que em certa forma foi impulsionada pelo RMI.”

“Espera-se que tanto os museus registrados quanto aqueles que ainda serão registrados na Bolívia façam contato com museus homólogos no exterior, e que estes façam o mesmo. Esse intercâmbio permitirá uma experiência de intercâmbio de saberes e conhecimentos”, analisa Trigo. O processo de upload dos dados dos museus bolivianos continuará ao longo do ano.

Ibermuseus assume o desafio de conseguir chegar, com o RMI, às mais de 9.000 instituições dos 22 países da Comunidade Ibero-americana. Atualmente, o Registro já alberga 7.161 museus de 15 países, entre públicos, privados e mistos. Além da Bolívia, estão presentes Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Equador, Espanha, México, Nicarágua, Paraguai, Peru, Portugal e Uruguai.

No RMI se encontram, em forma de fichas, dados fundamentais dos museus integrados neste projeto de forma a oferecer um panorama das instituições no âmbito ibero-americano.  A plataforma também dispõe de um entorno acessível restrito aos responsáveis dos países com informação mais detalhada sobre as instituições, que possibilita o intercâmbio de informação entre as administrações públicas, os museus e seus profissionais.

Acesse o RMI por meio da página rmiberoamericanos.org.

Veja todos os assuntos